• Thich Nhat Hanh

CURSO
SABOREAR E RESPIRAR O INFINITO

UM PERCUSO INTER-ESPIRITUAL
- c/ PAULO BORGES

 
20 e 26 MAR | 19H00 ÀS 22h00
3, 10, 17 e 24 ABR | 19H00 ÀS 22h00
8 MAIO | 19H00 ÀS 22h00
CORAÇÃO DO MUNDO
Av. Duque de Ávila, 95, 3º andar, Lisboa
INSCRIÇÃO

Todas as tradições espirituais da humanidade consideram que a respiração é sagrada, pois nela circula o grande Sopro da Vida. As palavras que nas várias culturas designam a essência do que somos (psique, alma, espírito, atman, etc.) referem-se ao “sopro”. A respiração é a presença em nós, a cada instante, da Fonte da Vida e o cordão umbilical que nos liga ao cosmos e a todos os seres. Neste PerCurso vamos fazer uma viagem experiencial pelas sabedorias, textos e práticas meditativas das principais tradições da humanidade – xamanismo, hinduísmo, budismo, taoismo, judaísmo, cristianismo e islamismo - , nas quais o inspirar e expirar nos permitem sentir e reconhecer que em cada um de nós respira o Todo e o Infinito. Despindo as ideias acerca de quem somos, vamos deixar que a respiração nos mostre que desde sempre somos inseparáveis do Todo e do Infinito. E que assim trazemos connosco, a cada instante e totalmente gratuito, o maior dos tesouros. Respiremos, saboreemos e celebremos.

PROGRAMA:

20 de Março – Xamanismo:

Tudo está animado;
Sentar na Terra, saudar o Sol e respirar o Ar Sagrado com todos os seres.

26 de Março – Hinduísmo:

A identidade entre si e o Todo (atman e Brahman);
Prana (sopro vital) e citta (consciência);
Pranayama: experienciar a circulação divina no sopro vital.

3 de Abril – Budismo:

Reconhecer que se é Buda aqui-agora;
Meditar na respiração: interdependência e vacuidade;
Tonglen: respirar amorosa e compassivamente pelo bem de todos os seres.

10 de Abril - Taoismo:

A virtude de viver em harmonia com o Tao;
Ser criança: aprender desaprendendo;
A via do ch’i (força vital): respiração embriónica e respirar com todo o corpo.

17 de Abril – Judaísmo:

Deus, ruach (espírito, sopro divino), neshamah (alma) e nesheemah (sopro);
Respirar o Nome Divino (Y-H-V-H) e a Divina Presença.

24 de Abril – Cristianismo:

Descobrir o Cristo interior; adorar Deus em espírito (pneuma, sopro) e verdade (aletheia);
Não-dualidade: “que todos sejam um”, “tal como nós somos um”;
Respirar no Espírito Santo: o mantra cristão.

8 de Maio - Islamismo:

Deus mais próximo que a veia jugular;
Dhikr: recitar e recordar os nomes divinos;
Meditações sufis: orar e respirar a Luz.


PAULO BORGES

Professor de Filosofia e Meditação, Pensamento Oriental e Filosofia da Religião no Departamento de Filosofia da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Professor de Técnicas Meditativas na Escola Superior de Enfermagem de Lisboa em 2011-2012 e 2012-2013. Ex-presidente e membro da Direcção da Associação Agostinho da Silva. Sócio-fundador e ex-presidente da União Budista Portuguesa. Sócio-fundador e presidente do Círculo do Entre-Ser, associação filosófica e ética. Coordenador do Seminário Permanente "Vita Contemplativa. Práticas Contemplativas e Cultura Contemporânea", no Centro de Filosofia da Universidade de Lisboa.

Praticante de meditação desde 1981 e da via do Buda desde 1983, na escola Nyingma do budismo tibetano, integrando a partir de 2012 os ensinamentos de Thich Nhat Hanh, da escola Linji (Rinzai) do budismo Ch’an / Zen. Segue os programas de formação da Comunidade Internacional de Meditação Tergar, sob a orientação de Mingyur Rinpoche. Co-organizador das duas vindas de S. S. o Dalai Lama a Portugal. Instrutor de meditação desde 1999, tendo realizado centenas de conferências, workshops, cursos e retiros por todo o país, também em empresas e instituições como o Ministério da Defesa Nacional, a Escola Superior de Enfermagem de Lisboa e a Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa. Cocriador do programa de formação O Coração da Vida. Uma Via de Consciência, Bondade e Sabedoria.

Autor de centenas de conferências e artigos em revistas científicas e obras colectivas, publicados em Portugal, Espanha, França, Itália, Roménia, Alemanha e Brasil, bem como de 45 livros de ensaio filosófico, poesia, ficção e teatro. Obras mais recentes: É a Hora! A mensagem da Mensagem de Fernando Pessoa, Lisboa, Temas e Debates / Círculo de Leitores, 2013; Quem é o meu próximo? Ensaios e textos de intervenção por uma consciência e uma ética globais e um novo paradigma cultural e civilizacional, Lisboa, Edições Mahatma, 2014; O Coração da Vida. Visão, meditação, transformação integral, Lisboa, Edições Mahatma, 2015; 2017, 2ª edição (guia prático de meditação); Agostinho da Silva. Uma antologia temática e cronológica, Lisboa, Âncora Editora, 2016, 3ª edição; Do Vazio ao cais Absoluto ou Fernando Pessoa entre Oriente e Ocidente, 2017.

INFORMAÇÕES ÚTEIS:

INSCRIÇÕES:

- Preenchendo o formulário
- ou enviando email para Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

CONTRIBUIÇÃO:

Disponibilidade menor: 100€
Disponibilidade média: 125€
Disponibilidade maior: 150€

Uma real indisponibilidade financeira não é impeditiva (contacte-nos).
Uma contribuição superior ao sugerido é bem-vinda se tiver disponibilidade e sentir ser justo.

OUTRAS INFORMAÇÕES:

Convém trazer caneta e bloco-notas e roupas confortáveis.
Chegar 10m mais cedo na 1ª sessão para fazer o pagamento (não dispomos de multibanco)

PARTILHE ESTE ARTIGO

 Enquanto existir o espaço, enquanto aí existirem seres, possa eu também permanecer para dissipar todo o seu sofrimento. 

~ Shantideva

CONTACTOS
Como chegar a nós

CÍRCULO DO ENTRE-SER

FALE CONNOSCO

COORDENADAS

SEGUE-NOS

Segue-nos nas redes sociais

SEGUE-NOS

Segue-nos nas redes sociais